SOUNDTRACKS: A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z #

ARTISTS: A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z #


Music blog


Lyrics/song texts are property and copyright of their owners and provided for educational purposes only.

Patria Que Me Pariu Lyrics by Gabriel O Pensador

 

Patria Que Me Pariu by Gabriel O Pensador


Uma prostituta chamada Brasil se esqueceu de tomar a plula e a barriga cresceu
Um beb no estava nos planos dessa pobre meretriz de dezessete anos
Um aborto era uma fortuna e ela sem dinheiro
Teve de tentar fazer um aborto caseiro
Tomou remdio, tomou cachaa, tomou purgante
Mas a gravidez era cada vez mais flagrante
Aquele filho era pior que uma lumbriga
Ela pediu prum mendigo esmurrar sua barriga
E a cada chute que levava o moleque revidava l de dentro
Aprendeu a ser um feto violento
Um feto forte, escapou da morte
No se sabe se foi muito azar ou muita sorte
Mas nove meses depois foi encontrado, com fome e com frio, abandonado num terreno baldio
Ptria que me pariu!
Quem foi a ptria que me pariu?!
Ptria que me pariu!
Quem foi a ptria que me pariu?!
Ptria que me pariu!
Quem foi a ptria que me pariu?!
Ptria que me pariu!
Quem foi a ptria que me pariu?!

A criana a cara dos pais mas no tem pai nem me
Ento qual a cara ca criana?
A cara do perdo ou da vingana?
Ser a cara do desespero ou da esperana?
Num futuro melhor, um emprego, um lar ...
Sinal vermelho, no d tempo pra sonhar
Vendendo bala, chiclete ...